Estou querendo fazer novos amigos unicórnios. Alguém tbm tá a fim? Me chamem no Snapchat, então. É: omundodobruno.
Algumas vezes, você simplesmente… vai se sentindo… mais… pra baixo.

o-meu-verdadeiro-eu

Se digo que jamais irei-te deixar, é porque não irei. Mas caso eu distancie dando essa sensação de esquecimento, é porque não estou bem. Acredite, nessas horas é que descubro quem verdadeiramente se importa e quiçá, é capaz de inverter os papéis deixando orgulho de lado para saber como estou sentindo-me sem antes mesmo criticar minha ausência.”
Guilherme Melo  (via resinto)
Exemplo primeiro, moral depois.
Gosto de pessoas originais. Das que tem nelas algo único. Quando ela faz o que todo mundo faz, ela se torna só um “alguém qualquer”, pra mim. Perde o valor. Perde a graça.”
@o-meu-verdadeiro-eu
Oi, tudo bem? É, voltei a escrever pra você. Sinal de que voltei a ter problemas? Sim. Bom, desde a nossa última carta, você falou comigo, nós voltamos a ser confidentes de volta, tudo estava a mil maravilhas... Até conheci o seu namorado e me tornei amigo dele. E eu também estava indo cada vez mais fundo com um outro garoto aí... Só que, nesses últimos 3 dias, algo no ar me fez pensar "hey, ele estaria na minha?" e que isso não tem dado muito certo. Digo, eu tenho percebido alguns sinais de ciúmes vindo de você. E, desculpa, você até pode negar, mas o jeito que você ficou falando que o meu amigo estava dando muita atenção pra mim só serviu pra mostrar que VOCÊ estava prestando muita atenção em mim. E o seu jeito de falar que EU te amo... bom, parecia mais que você estava desabafando. k Enfim, eu realmente estou muito confuso com tudo isso. Pedi conselhos pra alguns amigos, e eles me confundem mais ainda. Minha amiga falou pra eu desapegar de você, mas outro amigo meu falou pra partir pra cima. Eu não sei o que fazer. Eu só sei que eu te quero. Apenas. Mas você está feliz com o seu namorado, e ele está feliz contigo, e estou feliz em ser amigo dele. Em outros tempos, eu queria era matá-lo. Hoje, quero que ele se case contigo. "Mas como assim, cara?" Te explico. Eu sei que não tenho mais chances contigo, então que pelo menos você seja feliz com quem você gosta, não? Seria o mais honesto que poderia ser. Mas, sei lá.. Quando eu estou a poucos centímetros da sua boca, tudo o que eu mais quero é beijá-la. E você não sabe o quanto eu me prendo pra não fazer uma besteira. Digo, eu quero muito te beijar, mas também não queria "passar o sinal", sabe? Queria que fosse um beijo que me fizesse perder o ar, não o amigo. Por isso que tenho dúvidas, por isso que sou inseguro, por isso que... ah, cara... Por que eu fui inventar de me apaixonar por você? Por que eu não podia só esquecer, só viver a minha vidinha e só? Por que insistir por tanto tempo?
- Oi, de novo. Tudo bem? É, realmente, consegui ficar sem falar contigo pelo resto da noite passada. E até agora continuo sem falar contigo. Mais de 50 horas. É uma vitória! Bom, meu dia foi quase o mesmo. O que tem de novo é que eu comecei a estudar pro Enem (eu sei, está em cima da hora) e comecei a ler um livro novo. Isso me fez me esquecer de você por um tempo... até que meu celular resolve tocar uma série de músicas que me lembram você. "Can't Stop", "Counting Stars", "Carry on", "Give Me Love"... "YELLOW". Aí voltei a ficar deprimido. Mas aí, tocou uma música que não tinha nada a ver contigo, até eu começar a traduzir o que a Pink tava falando. A música era "Who Knew". Ela é assim:
"Você pegou minha mão
Você me mostrou como
Você me prometeu que ficaria por perto
Aham
Tá certo
Eu absorvi suas palavras
E eu acreditei
Em tudo que
você me disse
É, aham
Tá certo
Se alguém dissesse que daqui três anos
Que você iria embora
Eu me levantaria e socaria todos eles
Porque eles estariam errados
Eu sei melhor que eles
Porque você disse "para sempre"
"E sempre"
Quem diria
Lembra-se quando nós éramos tão bobos
E tão convencidos e tão, tão legais
Oh não
Não não
Eu queria poder te tocar de novo
Eu queria poder ainda te chamar de amigo
Eu daria qualquer coisa
Quando alguém disse seja agradecido
Para aqueles que já não estão por perto
Eu acho que eu não sabia como mesmo
Eu estava totalmente errada
Eles sabiam melhor que eu
Ainda sim você disse "para sempre"
"E sempre"
Quem diria
Yeah yeah
Eu te manterei trancado em minha mente
Até nós nos reencontrarmos
Até nós
Até nós nos reencontrarmos
E eu não te esquecerei, meu amigo
O que aconteceu?"
Bom, eu fiquei mais deprimido ainda. Você sabe o quanto eu sou exagerado e o quanto dependo de você. Tenho medo, muito medo de te perder. Mas... pelo menos esse tempo que você tá sem falar comigo, tá me servindo pra aprender que você não vai ficar aqui comigo pra sempre. Por mais que eu queira o contrário. Enfim, por enquanto, é isso o que eu tenho a dizer. Sinto que eu ainda volte aqui hoje. Então.. espero que você puxe papo comigo, porque tá difícil fingir que não me importo contigo. : s Até logo.
- Oi, tudo bem? Eu tô te vendo no topo da minha lista de contatos no Facebook e isso tá me dando uma puta aflição pra puxar papo contigo. Mas eu sou muito orgulhoso, lembra? Eu sei que você lembra. Eu sei que você duvidava que eu não iria aguentar tanto tempo sem falar contigo. Pois bem, estou conseguindo superar o meu vício de você. Tô despejando tudo o que eu queria falar contigo aqui, no Tumblr, assim posso desabafar tudo e não incomodar nenhum amigo, que já tem seus problemas próprios. Enfim... poxa, cara, porque você só tem olhado pra você? E de forma tão negativa? Sim, eu sei, essa sua fase é uma das piores, é horrível ter um segredo tão grande e não poder contar isso a ninguém, é horrível viver algo e sofrer com o contante medo de alguém descobrir tudo e transformar completamente a sua vida. Eu sei, eu já passei por isso, lembra? Bom, uma coisa que eu sei que você com certeza não se lembra, é que ontem fez 7 meses que te conheci. 7 meses que eu vi aquela solicitação de amizade. 7 meses que conheci não só uma pessoa nova pela escola, mas uma das pessoas que mais me entendeu, que mais passou pelos mesmos problemas que passei. Cara, você não entende que você é importante pra mim e por isso tenho medo de te perder? É por isso que eu me machuco tão fácil quando você desconta as suas raivas em mim. Sim, aguentei por algum tempo, mas também não sou otário de aguentar tudo calado, né? Por isso que estou esse tempo todo sem falar com você. E por isso que estou falando esse monte de bobagem aqui. Mesmo que você nunca leia isso. Pelo menos, isso vai me fazer melhor. Na verdade, já estou ficando melhor. Bom, como eu sei que não vou falar contigo hoje, então te desejo uma boa noite. Durma bem. E, de novo, te peço pra chorar. Como já te falei, chorar faz bem pra a gente se sentir melhor. Bom, é isso. Tchau.

Eu separo as pessoas do meu facebook em alguns grupos:
Tem os “zuero”, que me fazem rir com as zueragi deles, mesmo que essa piada nao seja muito politicamente correta (gente, não vou ser hipócrita, humor negro é hilário, sim.);
Tem os pensadores, que realmente pensam e postam coisas interessantes;
Tem os que acham que são pensadores, que vivem colando frase de Tumblr, achando que ninguém vai saber que ela tá copiando aquilo do Tumblr;
Tem os mimimizadores, que mimimizam por absolutamente tudo nessa vida;
Tem os positivos, que sempre postam coisas motivadoras (e que realmente me motivam);
Tem os religiosos, que sempre falam de Deus;
Tem os crente do rabo quente, que sempre da glória a Deus no feed, mas que pessoalmente…. bem, despensa comentários;
Tem os que acham que vão enganar alguém, postando “sdds de um amor gostoso”, como se alguém fosse acreditar que aquela pessoa tem uma vida sexual ativa;
Tem os gatos e gatas que sempre postam fotos deles/delas mesmos (e quase sempre sozinhos), mas que pelo menos deixam o meu feed mais bonito, então não reclamo;
E tem os idiotas, tipo eu.
Por mais que se enjoe de um facebook assim, isso distrai muito de um tédio. E é por isso que gosto tanto do facebook. (E acabo de perceber que criei um texto falando do facebook. ‘-’ Acho que já posso parar de vício, já.)

Bruno Martins, O Meu Verdadeiro Eu.

promisse ©